Jácomo Stávale

 

Filho dos imigrantes italianos Pasquale (Paschoal) Stávale e Júlia Ravagni Stávale, provenientes de Fuscaldo, o Prof. Jácomo Stávale nasceu no Rio de Janeiro em 10 de abril de 1882. Ainda jovem, a família fixou-se em São Paulo, dando início a sua brilhante trajetória. Cursou a Escola Politécnica e fez curso de habilitação. Foi professor primário e secundário de vários estabelecimentos de ensino da capital e interior, como: Colégio de Santo Agostinho (des Oiseaux), Liceu Nacional Rio Branco, Gymnásio de São Bento... Foi autor de vários livros didáticos como: Geometria Plana (editado em 1931), Exercícios de Matemática para 1º, 2º e 3º ano, Primeiro, Segundo, Terceiro, Quarto e Quinto Ano de Matemática e outros...Seus livros foram referência didática e curricular em todo o território nacional.

Faleceu na cidade de São Paulo em 5 de janeiro de 1956.

 

Rua Prof. Jácomo Stávale

Proposta pelo processo 20.070/63; Decreto 6.052 de 4 de fevereiro de 1.965.

Localizada na Vila Primavera, 26º Subdistrito – Vila Prudente; entre a Est. Barreira Grande e Av. Sapopemba – Cidade de São Paulo.

Residências conhecidas: R. Safira, 9 (São Paulo).

R. Dr. Albuquerque Lins, 312 (São Paulo).

Sepultado no Cemitério Vila Mariana (Consolação) – São Paulo; Q.55, T.42.

Decreto Nº 28.018, de 05 de Abril de 1957

Dá ao Ginásio Estadual da Freguesia do Ó , na Capital, a denominação de Ginásio Estadual “Jácomo Stávale”.

Jânio Quadros, Governador do Estado de São Paulo, no uso de suas atribuições e, considerando que o Ginásio Estadual da Freguesia do Ó, desta Capital, ainda não tem denominação na forma prevista pela Consolidação das Leis do Ensino;

Considerando que o Estado sempre tem procurado atribuir às casas de ensino nomes de cidadãos ilustres, já falecidos que se recomendaram à estima pública especialmente por seus serviços à educação da infância e da juventude;

Considerando que a memória do venerando professor Jácomo Stávale, falecido nesta Capital, é das que notóriamente se recomendam a estas homenagens, pois no decurso de seus 30 anos de magistério primário e secundário, deu inestimável concurso à causa da instrução popular, inclusive escrevendo numerosas obras de sua especialidade (Matemática), conhecidas em todo país;

Considerando que a oposição do nome do ilustre educador à frente de um educandário oficial é um ato de inteira e necessária justiça,

Decreta:

Artigo 1º  - Fica denominado Ginásio Estadual “Prof. Jácomo Stávale”, o Ginásio Estadual da Freguesia do Ó, nesta Capital.

Artigo 2º - Este decreto entrará em vigor na data de sua publicação.

Palácio do Governo do Estado de São Paulo, aos 5 de abril de 1957.

 

JÂNIO QUADROS

Vicente de Paula Lima

 Publicado na Diretoria Geral da Secretaria de Estado dos Negócios do Governo, aos 5 de abril de 1957.

Carlos de Albuquerque Seiffarth

Diretor Geral

Monografia sobre Jácomo Stávale (tamanho 6,58) clique aqui

Prefácios homenagens ao Professor Jacomo Stávale

Prefácio 1 - Prefácio 2 - Prefácio 3 - Prefácio 4

Conto “Diferenças” da Matemática.

Clique Aqui